Produção de milho e trigo diminuiu entre 3% e 5% por causa do aquecimento global

RIO – Nos últimos 30 anos, a produção de milho e trigo diminuiu entre 3% e 5% por causa do aquecimento global, enquanto a produção de soja e arroz permaneceu estável, segundo estudo publicado na revista “Science”.

De acordo com os autores do estudo, a queda na produção pode ser responsável pelo aumento de 6% nos preços dos alimentos desde 1980, um salto de US$ 60 bilhões por ano no que os consumidores pagam pelos alimentos.

O pesquisador David Lobell e seus colegas examinaram o histórico de produção de alimentos e dados climáticos mundiais entre 1980 e 2008. Observando as quatro maiores commodities agrícolas (milho, trigo, arroz e soja), eles descobriram que a produção de milho e trigo tinha diminuído em resposta ao aquecimento global, enquanto a produção de soja e arroz permanecia estável em uma escala global.

Com o desenvolvimento de dois modelos principais, uma que imitou um aumento real nas temperaturas e outra que manteve temperaturas climáticas “congeladas” em em 1980 (enquanto todas as demais variáveis permaneceram as mesmas em ambos os modelos), a equipe revelou uma ligação entre a diminuição das culturas e o aquecimento global.

Mas há uma exceção gritante nos dados: a temperatura dos Estados Unidos não está ficando mais quente. As rápidas mudanças agrícolas visto no resto do mundo não foram vistas nos Estados Unidos, uma observação que não foi feita até agora. Os resultados são um lembrete de que enquanto a relação entre a produção vegetal e as alterações climáticas é evidente em escala global, os recortes dessas relações varia de acordo com cada país.

Fonte: Globo.com

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*