Em 2011 ArcelorMittal lucrou US$ 93 milhões com a venda de créditos de carbono

A maior fabricante de cimento do mundo, ArcelorMittal, publicou seus números para 2011 revelando que lucrou US$ 93 milhões em 2011 com a venda de permissões de emissão de carbono que não utilizou.

Mesmo o valor sendo impressionante, ainda é 30% menor do que o registrado em 2010, US$ 140 milhões.

As cimenteiras receberam grandes quantidades de permissões gratuitas sob o esquema de comércio de emissões da União Europeia, o que abriu as portas para que colocassem no mercado os créditos desnecessários para cobrir suas emissões de CO2.

Se a empresa vender todas as permissões que não utilizará, o que a ONG Sandbag estimou em um estudo de 2009 em cerca de 80 milhões de unidades, isso pode render mais de um bilhão de libras. A ONG conclama a ArcelorMittal a fazer uma ‘filantropia climática’ e cancelar as 80 milhões de permissões extras.

continue lendo em Instituto Carbono Brasil

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>