Eficiência Energética: Formas de financiamento

Recentes e vantajosas oportunidades de financiamento auxiliam e dispensam um empreendedor de aplicar seus próprios recursos.
Quais as formas de financiamento para Projetos de EE

BNDES – Banco de Desenvolvimento Econômico e Social:

– PROESCO, que financia projetos que comprovadamente contribuam para a economia de energia e água. Destacamos os projetos que utilizam equipamentos com tecnologia mais eficiente, tais como:
lâmpadas
motores elétricos
controladores de velocidade variável
bombas
aquecedores
ventiladores
refrigeradores
sistemas de ar condicionado
fornos e fornalhas
caldeiras e sistemas de vapor
sistemas de cogeração
sistemas automatizados de gerenciamento de energia

– FINEM, de apoio a empreendimentos, que financia projetos de implantação, expansão e modernização, incluída a aquisição de máquinas e equipamentos novos, de fabricação nacional, credenciados pelo BNDES, bem como a importação de maquinários e capital de giro associado, realizados diretamente ou através das instituições financeiras credenciadas.

E também:
– Bancos Públicos e Privados.

– FINEP.

– Fundos Constitucionais de Financiamento, voltados para atividades nos setores agropecuário, mineral, industrial, agroindustrial, turístico, comercial e de serviços das Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, como:
FNO Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (via Banco da Amazônia e apenas região norte)
FNE Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (via Banco do Nordeste e apenas região nordeste)
FCO Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (via Banco do Brasil e apenas na região centro-oeste).

– Fundos Particulares de Investimentos, geralmente associados diretamente a uma ESCO.

– Concessionárias de Energia Elétrica.

Esta entrada foi publicada em Eficiência energética e marcada com a tag , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*