Educação ambiental é fundamental para um futuro melhor

“Se a gente não tiver uma mudança coletiva, dificilmente vamos conseguir alcançar o que o ser humano precisa”. Para a educadora ambiental Camila Mello, essa é a explicação para que a educação seja tão importante para o futuro do planeta.

A informação e conscientização, provenientes de processos educacionais, são fundamentais para a preservação dos recursos naturais e devem ocorrer desde a primeira etapa da vida. Esse processo independe da estrutura financeira e consiste da troca de experiências e conhecimento, conforme pregado pelo pensador e filósofo brasileiro Paulo Freire.

Para a educação ambiental é muito importante considerar esse método, pois as pessoas podem transmitir coisas aprendidas durante a sua vida, independente de uma sala de aula, que compõe o sistema educacional formal.

Para a educadora, é necessário haver uma mudança na valorização do professor e do educador, para que a atual realidade brasileira seja transformada. A educação pública ainda é deficiente na maior parte do país, o que faz com que os movimentos sociais se responsabilizem por cumprir parte do papel que caberia ao governo.

Essa falta de estrutura tem reflexo em diversos setores da sociedade e causa grandes impactos também no meio ambiente. Quando não existe informação, as pessoas não são capacitadas a formarem opiniões sobre muitos assuntos e acabam acatando a decisões que terão resultados negativos, para Camila, uma prova disso são as alterações no Código Florestal, propostas pelo deputado Aldo Rebelo, e que ainda são obscuras para boa parte da população brasileira.

Diante dessa deficiência educacional surgem os trabalhos do terceiro setor, com Organizações Não Governamentais (ONG) e Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), buscando suprir a falta de estrutura nas escolas brasileiras. O Instituto 5 Elementos, do qual Camila faz parte, busca justamente fomentar a educação ambiental através de ações realizadas em escolas e outros projetos socioambientais, que têm como intuito preparar pessoas para serem multiplicadores dos ideais sustentáveis. O mesmo exemplo é aplicado por outras ONGs, redes e movimentos sociais dispostos a trabalhar em prol de um futuro melhor.

Confira a entrevista completa com a ambientalista Camila Mello:

CicloVivo entrevista Camila Mello (Instituto 5 Elementos) – Prog. 33 (18/05/2011) from CicloVivo – Plantando Notícias on Vimeo.

Por Thaís Teisen – Redação CicloVivo
Fonte: Ciclo Vivo

Esta entrada foi publicada em Dicas Úteis e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*